Entrevistas

Último Podcast (22 Julho 2017)

Clica para ouvir

Entrevista: Black Sm. of Buddha

Black Smoke of Buddha

Entrevista com Daniel Catarino

Daniel Catarino

A Scene Called Barcelos

A Scene Called Barcelos

Entrevista: The Twist Connection

The Twist Connection

Emissão em Direto (Sádado 12-15)

Clica para ouvir

Entrevistas

No passado dia 25 de Março o Plátano em Roriz vestiu-se de gala para receber os barcelenses West Grave na apresentação do seu trabalho de estreia, numa festa apadrinhada ainda pelos projectos orag.tre e Black Smoke of Buddha. Ora, foi precisamente o concerto deste trio barcelense que o Sinfonias de Aço já não via há algum tempo, o motivo da conversa que com eles efectuamos. Assim, no dia seguinte metemos pés ao caminho e fomos à sala de ensaios da jovem banda barcelense conhecer melhor este projecto do Bruno Miranda, Tiago Lopes e Mauro Faria.

O Daniel Catarino é um músico alentejano e amigo de longa data do Sinfonias de Aço que, desde a primeira hora, tem divulgado os seus trabalhos nos mais variados projectos a solo ou em banda. Recentemente, esteve de volta a Barcelos, desta feita para uma apresentação no evento Um Ao Molhe, que apresenta músicos sempre a solo. Foi no Plátano em Roriz e o Sinfonias de Aço aproveitou para conversar, finalmente, com o músico de Cabeção, agora residente em Évora.

"Mayday" é o disco de estreia de Telephony, projecto pessoal de Tiago Araújo, músico barcelense dos Aurora e um ex-elemento dos Okkur. Uma semana depois da apresentação oficial do disco ao vivo no Teatro Gil Vicente em Barcelos, o Sinfonias de Aço conversou com o Tiago para, literalmente, ficar a conhecer todos os detalhes deste trabalho.

No passado dia 29 de outubro, os The Twist Connection viajaram de Coimbra para Barcelos para uma actuação no Círculo Católico de Operários, exactamente um dia depois da data oficial de lançamento do seu álbum de estreia, de nome "Stranded Downtown". O Sinfonias de Aço aproveitou para conversar com a banda.

Ora, desta vez o Sinfonias de Aço fê-la bem bonita. Imaginem convidar para a mesa os quatro elementos dos Serrabulho. Para a mesa de entrevistas, entenda-se - até porque os rapazes são um bocado biqueiros e é preciso insistir para meterem alguma coisa à boca. São novos, pronto. É sempre assim. Mas, à falta de mesa, a entrevista efectuou-se ali mesmo no meio da rua, em frente ao Xispes, em plena south bank do Rio Cávado na muy nobre freguesia de Barcelinhos.

Um dia depois da edição de "Black Bottle", o álbum de estreia dos Bed Legs, o Sinfonias de Aço meteu os pés ao caminho e foi conversar com 3 dos 4 músicos da banda bracarense, precisamente na cidade de Braga e no local de ensaio, nas bem conhecidas salas de ensaio do Estádio 1º de Maio.

"O Dia Em Que Todos Acreditaram" é o longa duração de estreia do Vitorino Voador, lançado no início deste ano para Azáfama. Ora, este é precisamente o projecto pessoal do músico lisboeta João Gil, também membro de You Can't Win, Charlie Brown e Diabo na Cruz. E foi precisamente nessa condição que o João voltou a Barcelos, para actuar com os Diabo na Cruz, no passado dia 8 de Agosto. O Sinfonias de Aço falou com o João numa animada e informal conversa que agora partilhamos com vocês.

Os 10000 Russos são uma banda do Porto, mas nenhum dos seus 3 elementos é natural do Porto. O Sinfonias de Aço esteve à conversa com eles, a propósito de um concerto no dia 29 de janeiro, no Círculo Católico de Operários de Barcelos. Foi na sala principal, mas na plateia e não em cima do palco, criando uma intimidade maior com o público. No final, falámos com os 3 amigos, a saber, o baixista André Couto, o guitarrista Pedro Pestana e o baterista e vocalista João Pimenta - ou Joca, se quiserem. Também foi da forma que este veio visitar a terra que o viu nascer.

No último dia do SWR - Barroselas Metalfest, o Sinfonias de Aço conversou com o vocalista da banda que abriu o festival. O nosso interlocutor foi o Miguel Inglês, dos portuenses Equaleft, banda que regressou a Barroselas para um terceiro concerto, desta feita com um trabalho novo para mostrar, o álbum de estreia "Adapt and Survive". Da última vez que falámos com o Miguel, eles tinham um EP e agora chegou a vez do longa duração.

O pianista barcelense Paulo Vatayan editou em nome próprio, no ano passado, o seu álbum de estreia, intitulado "Agora". Mais recentemente, a 13 de janeiro, o Paulo apresentou o seu disco na sua cidade natal, no renovado Theatro Gil Vicente. Um dia depois, concedeu uma entrevista ao Sinfonias de Aço. Nesta conversa, revelamos muitas facetas do músico barcelcelense, desde logo desprovido de preconceitos perante a música.

Os Bleeding Display foram uma das bandas com quem o Sinfonias de Aço aproveitou para conversar aquando da mais recente edição do SWR - Barroselas Metalfest. E foi mesmo após o concerto, no bar oficial do festival, rodeados de um set de peso e festivaleiros a aproveitar para fazer descansar a estrutura óssea e muscular.Teria sido excelente se em cima da mesa estivessem umas canecas de tinto e um naco de broa, mas já não foi mau de todo o som que fez questão de ficar no registo.

Parcerias

 
A Trompa NAAM  

Parcerias Software Livre Audio

 
Rivendell - Radio Automation Mixxx - Free DJ Mixing Software Paravel Systems Tryphon